ARTISTAS

Set Descending Direction

   

Página:
  1. 1
  2. 2
  1. PAISAGEM NEGRA III, 2019 pastel de oleo sobre papel de desenho Arches 300 g 56 x 38 cm Mais informação
  2. O ÚLTIMO NEGRO, 2019 acrílico sobre instantâneo 8.6 x 10.8 cm (díptico) Mais informação
  3. Centrípeto / Centrífugo, 2018 vídeo 55’’ ed. de 12 _ O trabalho de Gema Rupérez gira em torno do desejo de sobrevivência, o confronto e a luta pelo poder hegemónico, a instabilidade, a vulnerabilidade e a frustração. Através de diferentes meios, como a instalação, a fotografia, o vídeo ou o desenho, Gema Rupérez reflecte sobre o poder ou a incapacidade de se comunicar e sobre as distopias da sociedade contemporânea. Em Centrípeto/Centrífugo, 2017 (vídeo e fotografia) dois aros amarelos rolam sobre um tapete virgem de cinza deixando, cada um, marcas da sua passagem, e interferindo progressivamente com o território um do outro. Centrípeto/Centrífugo pertence à série Conversaciones (Conversas) que Gema Rupérez iniciou em 2015 e faz parte da investigação do seu mais recente projecto, Líneas de Resistencia (Linhas de Resistência) - uma aproximação artística aos desertos demográficos no território, que valoriza o vazio como elemento criativo e que reflecte sobre a superfície abandonada enquanto cenografia performativa. Uma forma de pensar linhas imaginárias como construtores contingentes, contrastando-os com a natureza primitiva, por forma a provocar um debate em torno da dimensão humana dos territórios, espaços inter - subjetivos e fronteiras. Mais informação
  4. Centrípeto / Centrífugo #1, 2018 impressão de tintas pigmentadas sobre papel de algodão Harman montada sobra dibond 80 x 120 cm Ed. de 3 + PA _ O trabalho de Gema Rupérez gira em torno do desejo de sobrevivência, o confronto e a luta pelo poder hegemónico, a instabilidade, a vulnerabilidade e a frustração. Através de diferentes meios, como a instalação, a fotografia, o vídeo ou o desenho, Gema Rupérez reflecte sobre o poder ou a incapacidade de se comunicar e sobre as distopias da sociedade contemporânea. Em Centrípeto/Centrífugo, 2017 (vídeo e fotografia) dois aros amarelos rolam sobre um tapete virgem de cinza deixando, cada um, marcas da sua passagem, e interferindo progressivamente com o território um do outro. Centrípeto/Centrífugo pertence à série Conversaciones (Conversas) que Gema Rupérez iniciou em 2015 e faz parte da investigação do seu mais recente projecto, Líneas de Resistencia (Linhas de Resistência) - uma aproximação artística aos desertos demográficos no território, que valoriza o vazio como elemento criativo e que reflecte sobre a superfície abandonada enquanto cenografia performativa. Uma forma de pensar linhas imaginárias como construtores contingentes, contrastando-os com a natureza primitiva, por forma a provocar um debate em torno da dimensão humana dos territórios, espaços inter - subjetivos e fronteiras. Mais informação
  5. Centrípeto / Centrífugo #2, 2018 impressão de tintas pigmentadas sobre papel de algodão Harman montada sobra dibond 53 x 80 + 53 x 80 cm Ed. de 3 + PA _ O trabalho de Gema Rupérez gira em torno do desejo de sobrevivência, o confronto e a luta pelo poder hegemónico, a instabilidade, a vulnerabilidade e a frustração. Através de diferentes meios, como a instalação, a fotografia, o vídeo ou o desenho, Gema Rupérez reflecte sobre o poder ou a incapacidade de se comunicar e sobre as distopias da sociedade contemporânea. Em Centrípeto/Centrífugo, 2017 (vídeo e fotografia) dois aros amarelos rolam sobre um tapete virgem de cinza deixando, cada um, marcas da sua passagem, e interferindo progressivamente com o território um do outro. Centrípeto/Centrífugo pertence à série Conversaciones (Conversas) que Gema Rupérez iniciou em 2015 e faz parte da investigação do seu mais recente projecto, Líneas de Resistencia (Linhas de Resistência) - uma aproximação artística aos desertos demográficos no território, que valoriza o vazio como elemento criativo e que reflecte sobre a superfície abandonada enquanto cenografia performativa. Uma forma de pensar linhas imaginárias como construtores contingentes, contrastando-os com a natureza primitiva, por forma a provocar um debate em torno da dimensão humana dos territórios, espaços inter - subjetivos e fronteiras. Mais informação
  6. impressão inkjet, tintas pigmentadas, suporte Epson doubleweight matte transmetacrilato sobre dibond 100 x 150 cm _ Ed. 3 + PA Mais informação
  7. vídeo em trêss monitores 1’5’’ Ed 1/5 Mais informação
  8. instalação, madeira e objects trouvés 240 x 18 x 16 cm Mais informação
  9. números de prata, madeira, vidro e object trouvé 4,5 x 97 x 18 cm Mais informação
  10. fotografia sobre papel Hahnemüle 188 fotorat sobre dibond, 53 x 80 cm e instalação com sinalética de reserva de caça (dimensões variáveis) _ fotografia : ed. 1/3 + PA instalação : peça única Mais informação
  11. carvão sobre papel 8 x 12 + 8 x 12 + 8 x 12 (tríptico) e escultura em vidro 10 altura x 7 cm diâmetro Mais informação
  12. ACERCA DO DISTANCIAMENTO DA NATUREZA EM RELAÇÃO AO HOMEM, 2019 Polaroid Originals 600 108 mm x 88 mm (serie de 6) Mais informação
  13. DEPOIS DO ABISMO, 2019 folhas dactilografadas e caneta sobre papel 12 folhas A4 Mais informação
  14. ORIGEM, 2019 acrilico, guache, têmpera, pasta de grafite, lapis de grafite sobre gesso montado em caixa de madeira e lã 27,5 x 22,5 cm Mais informação
  15. PAISAGEM NEGRA IV, 2019 pastel de oleo sobre papel de desenho Arches 300 g 56 x 38 cm Mais informação
  16. PAISAGEM NEGRA V, 2019 pastel de oleo sobre papel de desenho Arches 300 g 56 x 38 cm Mais informação
  17. PAISAGEM NEGRA VI, 2019 pastel de oleo sobre papel de desenho Arches 300 g 56 x 38 cm Mais informação
  18. PAISAGEM NEGRA VII, 2019 pastel de oleo sobre papel de desenho Arches 300 g 56 x 38 cm Mais informação
  19. BIS ZUM ENDE DER NACHT, 2019 intervenção sobre objet trouvé 56 x 38 cm Mais informação
  20. CAOS I, 2019 tinta da china, acrilico, guache e pastel sobre papel arches 300g 76 x 56 cm _ moldura: 79 x 59 x 4 cm Mais informação
  21. CAOS II, 2019 aguarela, tinta-da-china, guache, pasta de grafite e pastel seco sobre papel de desenho colado sobre papel de desenho 200 g 31 x 24 cm _ moldura: 42 x 32 x 4 cm Mais informação
  22. CAOS III, 2019 guache, caneta de acetato e pastel seco sobre fabriano artistico 300 g 20 x 20 cm _ moldura: 28 x 28 cm Mais informação
  23. CAOS IV, 2019 acrilico, tinta-da-china, guache sobre fabriano artistico 300 g 20 x 20 cm _ moldura: 28 x 28 cm Mais informação
  24. LUZ, 2019 lampada, fio eléctrico revestido a tecido, ficha pintada a acrílico, cobertura de casquilho de silicone Mais informação
  25. varas de latão e feltro cosido 70 x 100 cm Mais informação
  26. S/ TÍTULO (série Memory after Memory) Filipe Cortez, 2019 óleo, acrílico, pigmento e latex sobre tela 210 x 140 cm Mais informação
  27. A6 BERLINDES 2 VIDROS 6 BURACOS MESMO, 2012 3 vidros, 6 berlindes, documentação impressa, folio impresso 104 x 131,5 cm © Gonçalo Figueiredo Mais informação
  28. S/ TÍTULO (série Memory after Memory) Filipe Cortez, 2019 óleo, acrílico, pigmento e latex sobre tela 110 x 90 cm Mais informação
  29. S/ título (série Memory after Memory) Filipe Cortez, 2019 óleo, acrílico, pigmento e latex sobre tela 110 x 90 cm Mais informação
  30. S/ título Filipe Cortez, 2019 latex e resíduos 7 x 23 x 11 cm Mais informação
  31. S/ título Filipe Cortez, 2019 latex e resíduos 7 x 23 x 11 cm Mais informação
  32. S/ título Filipe Cortez, 2019 latex e resíduos 7 x 23 x 11 cm Mais informação
  33. EXÚVIA Filipe Cortez, 2019 óleo e latex 17 x 24 x 4 cm Mais informação
  34. S/ título Filipe Cortez, 2019 latex e resíduos 7 x 23 x 11 cm Mais informação
  35. SKINS Filipe Cortez, 2019 latex e resíduos dimensões variáveis Mais informação
  36. S/ TÍTULO, 2017 aço inoxidável, sacos de plástico e pregos 80 x 60 x 1.5 cm (cada) Mais informação
  37. ¿DE QUE CASA ERES?, 2018 tubo de néon vermelho reproduzindo caligrafia de APQ 20 x 140 cm Edição : 1 + PA © Rita Castro Mais informação
  38. TURN ME ON, 2012 tubo néon azul, reproduzindo caligrafia APQ 20 x 120 cm edição : 1 + PA © Gonçalo Figueiredo Mais informação
  39. CASA COMIGO, 2012 tubo néon vermelho, reproduzindo caligrafia APQ Edição 1 + PA 40 x 120 cm © Carlos Campos Mais informação
  40. S/ TÍTULO (série Memory after Memory) Filipe Cortez, 2019 óleo, acrílico, pigmento e latex sobre tela 210 x 140 cm Mais informação
  41. S/ TÍTULO (série Memory after Memory) Filipe Cortez, 2019 óleo, acrílico, pigmento e latex sobre tela 210 x 140 cm Mais informação
  42. S/ TÍTULO (série Memory after Memory) Filipe Cortez, 2019 óleo, acrílico, pigmento e latex sobre tela 210 x 140 cm Mais informação
  43. S/ TÍTULO (série Memory after Memory) Filipe Cortez, 2019 óleo, acrílico, pigmento e latex sobre tela 210 x 140 cm Mais informação
  44. S/ TÍTULO (série Memory after Memory) Filipe Cortez, 2019 óleo, acrílico, pigmento e latex sobre tela 50 x 35 cm Mais informação
  45. S/ TÍTULO (série Memory after Memory) Filipe Cortez, 2019 óleo, acrílico, pigmento e latex sobre tela 50 x 35 cm Mais informação
  46. S/ TÍTULO (série Memory after Memory) Filipe Cortez, 2019 óleo, acrílico, pigmento e latex sobre tela 50 x 35 cm Mais informação
  47. S/ TÍTULO (série Memory after Memory) Filipe Cortez, 2019 óleo, acrílico, pigmento e latex sobre tela 50 x 35 cm Mais informação
  48. ALL THE JOURNEYS, 2012 seda azul 4x4, 2002 pérolas naturais, fio de seda dimensões variáveis © Gonçalo Figueiredo Mais informação
  49. GARANTIA DA ETERNIDADE, 2012 35 bandeiras de seda, cores diversas, fio e cordões de polyester 128 x 83 cm (cada) Mais informação
  50. BRANCO PÁLIDO, 2019 tubos de borracha, elástico, roldanas e motor em parede falsa dimensões variáveis Mais informação
Set Descending Direction

   

Página:
  1. 1
  2. 2